quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Simão, o… o… ah!, ganda, Simão, como eu te compreendo!

Personagens:
• Eu
• Simão, 6 anos

Cenário:
Ao entrar em casa da minha irmã, vejo o Simão sentado à mesa da cozinha, a fazer os trabalhos de casa. Pergunto:

Acção:
Eu: − Então, Simão, como é que vai essa vida?
Simão [desanimado]: − A vida vai bem, o que dá cabo de mim são estes trabalhos de casa.

1 Comments:

Blogger Nannye said...

existem palavras mais puras que as de uma criança? =)

4:40 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home